Siga-nos

TV

Globo finalmente mostra Lula (através da voz de Adnet)

Imitação do humorista no programa ‘Sinta-se em casa’ foi mostrada pelo ‘Encontro com Fátima Bernardes”

Adnet imita Lula em conversa telefônica com Moro (Foto: Reprodução/GloboPlay)

Nesse 1º de Maio, feriado do Dia do Trabalhador, aconteceu na TV Globo algo considerado improvável após o apagamento sistemático que a emissora faz de algumas lideranças da oposição (veja levantamento feito pelo colunista do Uol Mauricio Stycer): o ex-presidente Lula participou do ‘Encontro com Fátima Bernardes’.

A participação não foi direta, mas através de uma imitação do ator e humorista Marcelo Adnet. No programa desenvolvido para a GloboPlay ‘Sinta-se em Casa’, Adnet tem imitado uma série de personalidades: políticos e participantes da 20ª edição do BBB são presenças constantes.

Veja abaixo a conversa telefônica entre Lula e o ex-ministro da Justiça Sergio Moro mostrada no ‘Encontro com Fátima Bernardes’ mediada por Adnet:

Anteriormente também no ‘Sinta-se em Casa’, Adnet mostrou como teria sido a reação do ex-presidente à demissão de Moro do Ministério da Justiça:

A área de humor da TV Globo tem se destacado nas críticas ao governo Jair Bolsonaro, se antecipando ao jornalismo que só aumentou o tom devido à irresponsabilidade do governo central no combate ao novo coronavírus.

Programas como ‘Zorra’, ‘Fora de Hora’ e o quadro do ‘Fantástico’ ‘Isso a Globo não mostra’ não só são pioneiros, mas também mais incisivos na denúncia dos absurdos de ministros e do atual ocupante do Palácio do Planalto.

Assine nossa newsletter

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas

Publicidade
Trending Now
Publicidade

Relacionados

Fenômenos da internet, Globo deveria olhar para Negão da BL e sua mãe para renovar Multishow

TV

Fora de Hora tem que continuar como podcast no fim da pandemia

Entretenimento

GloboNews faz mea culpa após discutir racismo apenas com pessoas brancas

TV

Mesmo após agressões e ameaças a jornalistas, Estadão insiste em normalizar Bolsonaro

Política

Publicidade
Assine nossa newsletter

Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Connect
Assine nossa newsletter