Siga-nos

TV

De Férias Com o Ex: Brasil – s06e03: Finalmente, barraco

Finalmente, no terceiro capítulo da temporada, o reality show entregou o que a gente quer: barraco e escrotice

Um dos grandes objetivos do ‘De Férias Com o Ex: Brasil’ é ver um bando de hétero topzera tretando, passando vergonha e soltando frases sem efeito. Finalmente, com a chegada de Victor, ex da Flavia.

O próprio já chegou com uma péssima frase do vocabulário deste gênero humano: ao ver a ex nervosa com sua chegada, soltou que “quem não ama, não treme”. Ok. Em seguida, ao chegar em casa, se achou capaz de rimar, cantar rap. Menos ok.

O que importa é que a presença do jovem trouxe o efeito dominó: começaram as frases ridículas, abriu-se a Sala da Verdade, teve barraco, teve dedo na cara, teve revelação do passado, teve mais treta…

O grande momento: “E aí, vocês transaram? Vocês fizeram sexo? Fizeram amorzinho?. Ah, o hétero que não supera. Capaz de entregar momentos tão patéticos quanto engraçados. Parabéns, Victor.

Porém BRIGA. Teve BRIGA. Mais de 10 minutos de discussões sem sentido. Finalmente.

O vencedor: Na casa, ninguém. Entre o público, todos, que finalmente tiveram o que merece: um programa com barraco após duas semanas tediosas.

O perdedor: Victor. Para fazer o programa render, você precisa ser um derrotado. Ele é. Um grande escroto. Zero cérebro. Maltrata ex. Xinga mulher. Já torço pela expulsão.

Amei: Novinho, o único que entende o que é para se fazer: fazer dancinha ao perceber que entrou na cabeça de gente fraca. Já logo expôs como Victor é escroto. Famoso EMBUSTE, diria o jovem.

Odiei: mais um episódio em que, no date, alguém se recusa a beijar o outro porque “precisa ver como estão as coisas na casa”. Nesses primeiros episódios a demora para pegar o CLIMA do programa irrita profundamente. Suíte Master, a mesma coisa. Não dá.

Diego (ou Diogo? Sei lá) foi péssimo, também. Recusou a dar selinho no Rafa, que é gay. Mas em seguida deu no Caio, hétero. Lamentável.

Nota: ⭐⭐⭐⭐

Tudo que o povo gosta, enfim. Só não dou 5 porque sempre pode melhorar. Mas se for nesse nível té o fim, dá bom.

Assine nossa newsletter

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas

Publicidade
Trending Now
Publicidade

Relacionados

Transmissões de clubes escancaram importância do jornalismo esportivo

Esportes

De Férias Com o Ex: Brasil – s06e04: Quebrando o padrãozinho

TV

De Férias Com o Ex: Brasil – s06e02: Cabine dos Segredos

TV

De Férias Com o Ex: Brasil – s06e01: “Já quero ficar pelada”

TV

Publicidade
Assine nossa newsletter

Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Connect
Assine nossa newsletter