Siga-nos

Tecnologia

Cuidado com estes nove aplicativos da Google Play

Apps maliciosos, que roubam dados pessoais, foram instalados por quase 500 mil usuários

Novos apps maliciosos do Android

De tempos em tempos são descobertas ameaças que podem afetar usuários de celulares com sistema Android, do Google. Desta vez, a empresa de segurança digital TrendMicro divulgou no início de fevereiro que foram encontrados nove aplicativos maliciosos na loja Google Play.

Esses apps eram capazes de gerar propagandas não solicitadas e baixar nada menos que três mil malwares (softwares perigosos que roubam informações) no smartphone hospedeiro.

De acordo com a TrendMicro, foram registradas mais de 470 mil instalações desses aplicativos perigosos, o que representa um grande risco para usuários de Android.

Grande parte dos apps maliciosos estavam mascarados como ferramentas de otimização do sistema do celular. Claro que ao serem baixados e instalados, os apps não realizavam as funções que prometiam. Ao contrário, acessavam dados sigilosos dos usuários sem que eles soubessem.

Para conseguirem acessar dados sigilosos, como mostra a TrendMicro, as aplicações aproveitavam das permissões que lhes eram concedidas durante a instalação. Com isso, eles desligavam o Google Play Protect e davam prosseguimento às ações maliciosas, incluindo o download em segundo plano de malwares.

Confira os nomes dos apps perigosos:

  • Shoot Clean-Junk Cleaner,Phone Booster,CPU Cooler
  • Super Clean Lite- Booster, Clean&CPU Cooler
  • Super Clean-Phone Booster,Junk Cleaner&CPU Cooler
  • Quick Games-H5 Game Center
  • Rocket Cleaner
  • Rocket Cleaner Lite
  • Speed Clean-Phone Booster,Junk Cleaner&App Manager
  • LinkWorldVPN
  • H5 gamebox

Além de contornar a segurança dos smartphones com sistema operacional do Google, os aplicativos maliciosos conseguiam roubar dados das contas logadas no Facebook. Tudo era feito de forma escondida do utilizador.

Até as avaliações dos apps e supostos comentários eram feitos de forma automatizada, sem ciência dos usuários.

Como costuma acontecer nesse tipo de situação, ao tomar conhecimento da existência de softwares maliciosos, o Google removeu os aplicativos da loja Google Play.

A recomendação da TrendMicro é que esses programas sejam removidos urgentemente e que seja feita a formatação do aparelho para o padrão de fábrica, para garantir a remoção de qualquer arquivo oculto.

Assine nossa newsletter

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados

O novo coronavírus não pode ser transmitido por encomendas originárias da China, como acreditam algumas pessoas O novo coronavírus não pode ser transmitido por encomendas originárias da China, como acreditam algumas pessoas

20 mitos relacionados à Covid-19

Saúde e Bem-Estar

China diz ter conseguido combater o novo coronavírus com o remédio favipiravir, indicado no tratamento do influenza e da febre amarela China diz ter conseguido combater o novo coronavírus com o remédio favipiravir, indicado no tratamento do influenza e da febre amarela

Remédio contra influenza pode ajudar no combate da Covid-19

Saúde e Bem-Estar

Gogole Maps faz 15 anos Gogole Maps faz 15 anos

Google Maps faz 15 anos e ganha novas funcionalidades

Tecnologia

vírus vírus

Qual a diferença entre o vírus da gripe e o coronavírus?

Saúde e Bem-Estar

Publicidade
Assine nossa newsletter

Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Connect
Assine nossa newsletter