Siga-nos

Música

A chuva na música brasileira

Destruição, esperança, recomeço… como em ‘Parasita’, a chuva pode ter diversos significados no cancioneiro popular

O último domingo (9) foi de consagração para ‘Parasita’ na noite do Oscar. O filme do diretor sul-coreano Bong Joon-ho levou quatro estatuetas pra casa, incluindo melhor diretor e melhor filme.

O filme conta a história da família Ki-taek e começa quando todos os seus membros, pai mãe e um casal de filhos, estão desempregados. Após receber uma oportunidade de ser professor particular de inglês da filha de uma família rica, Ki-woo, o filho, ganha a confiança de todos e começa a bolar um plano para empregar toda a sua família.

Em uma das cenas mais emblemáticas, após perder tudo em uma enchente, o pai da família pobre é obrigado a ouvir a mãe da família rica dizer que “a chuva foi uma benção”, mostrando como o fenômeno pode ter significados diferentes para cada um. 

Aproveitando a histórica chuva que parou a cidade de São Paulo nesta segunda-feira (10) e que também vem atingindo cidades como Rio de Janeiro e Belo Horizonte, o Ultra POP lista como a chuva está presente na música brasileira.  

Como destruição

Poeta popular paulistano, Adoniran Barbosa cantou a pobreza na grande metrópole. Nela a chuva é motivo de destruição da casa do trabalhador por conta do descaso do poder público. 

‘Guenta a mão, João’ é uma parceria de Adoniran com Djavan e conta história de João, que perdeu a cama na enchente, mas que é aconselhado a não reclamar tanto, já que seu amigo Cibide perdeu muito mais na enxurrada. 

Como esperança

A espera pela chuva no sertão é enredo de diversas canções da música brasileira. Em ‘Último pau de arara’, Raimundo Fagner mistura o desejo pela chuva com a esperança no local onde nasceu, de onde ele só sairá quando não restar mais nenhuma alternativa.

Como descarrego

A chuva também pode ter seus significados metafóricos, sem falar sobre os danos materais que seu excesso ou falta podem significar.

Em ‘Ai, ai, ai’, Vanessa da Matta usa a figura do banho de chuva como uma atividade para levar as más energias com a água e renová-la. 


Como fim de ciclo

Um dos maiores hinos da Música Popular brasileira é, sem dúvidas, ‘Águas de Março’. Elas fecham o verão, são o fim do caminho e trazem novas promessas. E também arrastam paus, pedras e formam a lama.

Como encontro

No samba ‘Água de Chuva no Mar’, a saudosa Beth Carvalho canta como a água de chuva pode se misturar com a do mar e virar uma coisa só. Ela caminha para o mesmo lugar e dilui as desilusões amorosas vividas em amores antigos.



Assine nossa newsletter

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas

Publicidade
Trending Now
Publicidade

Relacionados

Quando voltarmos, não teremos mais Aldir Blanc. E o que mais?

Música

Os 10 momentos do Oscar 2020

Cinema

Quem seria Pyong Lee no filme ‘Parasita’?

Cinema

Problematizar ou simplificar: como os indicados a Melhor Filme no Oscar abordam a construção da masculinidade?

Cinema

Publicidade
Assine nossa newsletter

Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Connect
Assine nossa newsletter